Sofisticados coquetéis a partir da cachaça 51


Cia. Müller investe na versatilidade da bebida mais ‘brasileira’ para se expandir no mercado; nova aposta é a Assinatura 51


alt


Referência de qualidade em seu segmento, a Cachaça 51 aposta na versatilidade da bebida mais ‘brasileira’ para se expandir no mercado. A nova estratégia da Cia. Müller de Bebidas, responsável pelo produto, é a 51 Assinatura, um projeto desenvolvido em parceria com Cesar Adames, consultor de destilados e charutos, que reúne cinco mixologistas de diferentes escolas e vertentes da coquetelaria nacional para mostrar o variado repertório da cachaça na composição de drinks e bebidas e fomentar o desenvolvimento da mixologia no país.

Para participar, foram escolhidos profissionais que estão em destaque no cenário da coquetelaria: Adriana Pino (Méz), Alexandre D’Agostino (Spot), Felipe Rara (Le Bilboquet), Marcelo Serrano (Brasserie des Arts) e Paulo Cesar Corghis (Camden House). Todos viajaram para conhecer a fábrica da Cachaça 51, em Pirassununga, no interior de São Paulo, e seu processo produtivo.

Segundo Rodrigo Maia, diretor de vendas e marketing da Cachaça 51, o projeto 51 Assinatura vem para mostrar que cachaça vai além da caipirinha e pode ser uma bebida democrática e plural usada como ingrediente principal de refinados drinks. “Sempre estamos próximos aos bares como um todo, do segmento C, D ou E ao AAA. Tudo isso porque nosso produto é muito democrático, uma bebida com grande penetração no Brasil, da classe mais alta à mais baixa. Por isso acreditamos que as possibilidades de bebidas possam ser ofertadas a todas as camadas”, explica.

De acordo com Maia, a Cia. Müller de Bebida estuda o lançamento de novos rótulos com as receitas preparadas pelos mixologistas do projeto 51 Assinatura. Por enquanto a linha premium da empresa é a Reserva 51, cachaça envelhecida em barris de carvalho.

Expansão via marketing Durante a Olimpíada do Rio de Janeiro, a Cia. Müller de Bebida fechou um acordo de exclusividade com mais de 300 quiosques da orla carioca, do Leme à Prainha, no segmento de cachaças e ices - mais de 200 mil litros destas bebidas foram vendidos neste período, principalmente para estrangeiros. O contrato com a Orla Rio, concessionária dos quiosques, segue até 2018.

Com 150 milhões de litros produzidos por ano, dos quais dois milhões são vendidos a 52 países, a empresa adota uma estratégia de reposicionamento global, na qual se destaca a ação chamada “product placement” em séries de TV americanas de sucesso como “The Big Bang Theory” e mais recentemente “The Ranch”. Trata-se de mostrar, mesmo que rapidamente, o produto ao fundo do cenário ou interagindo com os personagens.

No Brasil, em novembro de 2016, o canal GNT estreou o programa 51 Assinatura. A cada um dos seis episódios uma nova história dos mixologistas convidados foi contada, mostrando a essência, inspirações e apresentando a criação desenvolvida com Cachaça 51 Edição Internacional. A primeira delas, uma introdução ao universo da cachaça, foi apresentada pelo próprio Cesar Adames. “O 51 Assinatura, além ajudar a desenvolver a cultura da cachaça no país, é uma forma de mostrar versatilidade da bebida a partir da criatividade de nossos mixologistas que criaram novos drinks, infusões e licores a partir da tradicional Cachaça 51”, diz.

Fonte: Revista Bares e Restaurantes, edição 113. 
Para assinar a revista, clique Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. .


alt